Tag Archives | Virtudes teologais

CARIDADE E JUSTIÇA SOCIAL COMO FUNDAMENTO DA POLÍTICA

PADRE CURZIO NITOGLIA

[Tradução: Gederson Falcometa]

20 de dezembro de 2010

http://www.doncurzionitoglia.com/caritas_giustizia_politica.htm

 

 

 Papa Gregorio VII

“Do desprezo do bem comum ou social um pode ser induzido a todos os pecados”

(S. Tommaso d’Aquino, S. Th., II-II, q. 59, a. 1).

 

Para o ‘bom governo’, que é a verdadeira virtude de ‘prudência social’ ou seja, a política no sentido clássico do termo, é preciso sobretudo duas virtudes além da prudência: a justiça e o amor natural e sobrenatural, que são substancialmente diversas da egalitè et fraternitè da modernidade. Aqui lhe estudaremos na ótica social e não estreitamente individual, porque nos ocupamos da filosofia política ou social, que estuda a vida em comum ou em sociedade dos indivíduos homens, os quais se unem antes em uma família e depois em mais famílias, as quais formam uma sociedade ou polis (=cidade) e mais cidades formando enfim um Estado. No artigo sobre “Direito natural” publicado neste mesmo site, vimos como a lei, é eterna ou divina, natural e positiva e como estas leis regem a sociedade e sem essas se cai inevitavelmente na “dis-sociedade” ou dissociação anárquica, que é o ‘péssimo governo’1. No presente artigo nos ocupamos da justiça e da sua perfeição, que é a amizade ou amor (natural ou sobrenatural)2, para colocar bem a fogo que sem essa não é possível uma verdadeira virtude de prudência social ou política, vale dizer o ‘bom governo’3. No livro em dois volumes citados em nota, se afronta o tema da política entendida por Aristóteles e Santo Tomás de Aquino como virtude social, as suas bases metafísicas, a natureza, causa eficiente e final da sociedade, a sociedade internacional, a origem do poder, da tirania e do tiranicídio, as três formas de governo (monarquia, aristocracia e polícia), a realeza social de Cristo, as relações entre Estado e Igreja, o maquiavelismo como início da “política” moderna, concebida de maneira diametralmente oposta à política aristotélica-tomista como separada da virtude e da moral e por isso ‘mau governo’ (1º volume). No 2º volume se afronta a problemática das relações entre a virtude política clássica e as desviações “políticas” modernas: a guerra justa, a pena de morte, a tortura e a represália, a questão social e a sua verdadeira solução contra os dois erros – por excesso e por defeito – do coletivismo socialista e do individualismo liberal, da verdadeira natureza do comunismo, mesmo daquele de “rosto humano”, ou seja, “euro comunismo” e do “cato-comunismo”, do liberalismo clássico, da democracia cristã, qual modernismo social ou liberalismo-católico, do fascismo e do nazismo, mesmo se estes dois capítulos são datados (remontam ao ano de 2002) e, penso, excessivamente severos na crítica. Conclusão a) direito natural, divino e positivo; b) caridade e justiça são os dois pilares que regem a estrutura da prudência social ou política clássica. Continue Reading →

Postagens relacionadas

  • 68
    La Civiltà Cattolica anno 11° vol. 6, serie IV, Roma 1860.   R. P. LUIGI TAPARELLI D’AZEGLIO, S. J.   Que me diz o leitor? A opinião é a rainha do mundo?   Este é um daqueles problemas equívocos, ao qual se pode justamente responder com um sim não menos…
    Tags: a, que, de
  • 60
      Gederson Falcometa Em resposta aos Comentários Eleison de Mons. Williamson sobre os milagres eucarísticos de Buenos Aires, o Rev. P. Ernesto Cardozo escreveu o texto que tem título homônimo ao deste artigo, porém, a questão que ele levantou encontra resposta positiva (há milagres fora do corpo visível da Igreja…
    Tags: de, que, a
  • 54
    PADRE CURZIO NITOGLIA [Tradução: Gederson Falcometa] Velletri, 15 de novembro de 2008 http://www.doncurzionitoglia.com/IpotesiVelletri.htm "Em questões teológicas difíceis e não definidas, deve se dar o próprio parecer com humildade e paz, conformando-se a instrução e a capacidade do ouvinte, insistindo mais na prática da Igreja, exortando a seguir o bom costume; ao invés de deixar-se…
    Tags: a, de, que
  • 54
      PADRE CURZIO NITOGLIA [Tradução: Gederson Falcometa] 14 de maio de 2011 http://www.doncurzionitoglia.com/vero_e_falso_cristianesimo.htm   ● A VERDADEIRA VIDA não consiste unica e exclusivamente em se alimentar e beber, em divertir-se e provar emoções e prazeres. Tudo isto sozinho não tem saída, não tem fim nem ideal: leva a morte sem…
    Tags: a, de, que
  • 53
     Padre Roger Thomas CalmelTradução: Gederson FalcometaMais atual do que nunca é este texto do Padre Roger Thomas Calmel, um dos primeiros sacerdotes a ter pressentido e resistido a crise na Igreja que se difundia já rapidamente nos anos 60. Neste ele mostra as grandes linhas do comportamento do católico que…
    Tags: a, que, de
  • 53
      O Padre Cardozo, ele próprio é a imagem do caos que instaurou, como podemos ler: Em 2014 era contra os milagres fora da Igreja; Em novembro de 2015 aceitava; Em dezembro do mesmo ano passado, mudou de idéia de novo. Se o Padre Trincado não tivesse dado a conhecer…
    Tags: de, que, a
  • 52
      Uma pessoa me enviou o link, para o texto de um amigo que critica a afirmação de que a posição do Padre Cardozo “não existe nada de católico na Igreja Conciliar” é uma forma de sedevacantismo absoluto (eclesiavacantismo). O texto foi escrito por um amigo, que também julgo não…
    Tags: que, de, a
  • 52
    Gederson Falcometa De fato a Resistência vive dias de confusão e discórdia. A razão dessa discórdia é exatamente que a polêmica dos milagres, não teve fim, aja vista que, o amigo Augusto, autor do texto, que agora comento, ainda toca nela. Nós que defendemos a possibilidade de Milagres fora da…
    Tags: que, de, a
  • 52
    Gederson Falcometa A confusão e a desordem seguem de vento em popa no apostolado do Padre Cardozo. Agora veio a público a exigência da assinatura de um termo de adesão ao catolicismo [1]. Lembrou muito bem um amigo, que como prescreve o CDC de 1917 [2], um herege, um apóstata…
    Tags: de, que, a
  • 51
    Extrato do Capítulo XIII Em quais coisas a Igreja não é infalível   Do livro: Da opinião ao Dogma 15 de agosto de 1953 Padre Sisto Cartechini, S. J. [Tradução: Gederson Falcometa]     Milagres, aparições e relíquias   Especialmente entorno aos milagres antigos, não aqueles narrados na Sagrada Escritura, são transmitidos…
    Tags: de, a, que
  • 51
    Inocêncio XI assim concluí o decreto do S. Ofício de 4 de março de 1679 acerca dos vários erros morais: «Finalmente, a fim de que os doutores, ou seja, os escolásticos ou qualquer um no futuro, se abstenham de disputas injuriosas, e para que se providencie conservar a paz e…
    Tags: de, a, que
  • 51
        A Igreja e o Estado (2ª ed.) Napoles 1872, cap. I, pag. 7-21.Rev. Pe. Matteo Liberatore S.J.CONDIÇÃO DA IGREJA OPOSTA AO ESTADOCAPÍTULO I.ARTIGO I.Conceito liberalITríplice forma de tal conceitoA palavra de ordem, como se costuma dizer, do liberalismo hodierno é a emancipação do Estado da Igreja. Isto se entende de…
    Tags: a, que, de
  • 50
    ChestertonLivro IIEntra um LunáticoO Rei das Fadas, que foi, presumidamente, o padrinho do rei Auberon, deve ter favorecido muito o seu fantástico afilhado neste dia em particular, pois com a entrada da guarda do superintendente de Notting Hill havia uma certa adição mais ou menos inexplicável para o seu deleite.…
    Tags: que, de, a
  • 50
      La Civiltà Cattolica Roma 1908. [Tradução: Gederson Falcometa] A crítica está na boca de todos: é o mérito da idade moderna. E se fosse mérito sincero, haveria razão para aprecia-la: a crítica verdadeira é o exame glorioso da verdade, seja científica ou religiosa. Mas muitas vezes é mérito falso:…
    Tags: de, a, que
  • 50
      La Civiltà Cattolica, anno XLI, serie XIV, vol. VIII (fasc. 968, 8 de outubro de 1890) Roma 1890 pag. 167-182.   Liberdade de consciência     Rev. Pe. Francesco Salis Seewis S.J.  [Tradução: Gederson Falcometa] I. Verdadeira noção de liberdade de consciência. L’Opinione escrevia sob o título Liberdade de Consciência (n. 220) o que…
    Tags: a, de, que
  • 50
    A causa do caos na Resistência é a heresia da ação, de que fala D. Chautard no livro "A alma de todo apostolado". Ação sem reflexão é o que leva um Padre vir a público e escrever Comentários Anti-Eleison, porque a palavra Eleison, vem do grego, significa "ter piedade", "compadecer-se". Sendo…
    Tags: a, que, de
  • 50
        A tese de Cassiciacum  O Papado material Para um debate sereno    Don Curzio Nitoglia [Tradução: Gederson Falcometa]   «Nesta passagem do Evangelho de Marcos (VI, 47-56) está escrito justamente que a Nave (ou seja, a Igreja) se encontrava no meio do mar, enquanto Jesus estava sozinho em…
    Tags: a, de, que
  • 50
    Gederson Falcometa No vídeo em resposta ao Professor Carlos Nougué, se pode ouvir do Padre Cardozo, duas coisas importantes para se entender toda essa confusão: 1 – Foram feitos grandes esforços para evitar a briga com os bispos; 2 – Os esforços começaram entre setembro e outubro do ano passado…
    Tags: que, a, de

VERDADEIRA E FALSA CARIDADE

 

In memoria di Shahbaz Bhatti

 

d. CURZIO NITOGLIA

[Tradução: Gederson Falcometa]

23 marzo 2011

http://www.doncurzionitoglia.com/vera_e_falsa_caritas.htm

Prólogo

Hoje se fala muito, talvez até mesmo demais, de “caridade” (“muito dela se  fala e menos dela se tem”, diz o provérbio). Mas que coisa é a verdadeira Caridade? No presente artigo busco expor a doutrina católica, que se funda sobre a Tradição e a S. Escritura, lidas a luz do pensamento de Santo Tomás, o Doutor Oficial ou Comum da Igreja. Se verá, então, como a verdadeira Caridade é totalmente diferente do vago sentimentalismo da experiência religiosa, como apresentado pelo neomodernismo ascético, o qual é o desnaturamento da verdadeira Caridade, assim como é também distinta e antes eminentemente superior ao amor natural, o qual é bom em si, mas imperfeito, porque não pode ultrapassar por si mesmo os limites da sua natureza, muito ferida  pelo pecado original.

 

·        Um exemplo de verdadeira Caridade sobrenatural nos foi deixado nestes dias pelo Ministro para as minorias do Paquistão Shajbaz Bhatti, morto por ódio a Fé católica nos primeiros dias de março de 2011. Quero citar uma parte do seu “Testamento espiritual”:

 

«Desde de criança, eu costumava ir a Igreja e encontrar profunda inspiração nos ensinamentos, no Sacrifício e na Crucificação de Jesus. Foi o Amor de Jesus que me conduziu a oferecer os meus serviços a Igreja. As assustadoras condições nas quais vertiam os Cristãos no Paquistão me chocaram. Quando havia apenas 13 anos escutei um sermão sobre o Sacrifício de Jesus para a nossa Redenção e a Salvação do mundo inteiro e pensei em corresponder ao seu Amor doando amor aos nossos irmãos, colocando me ao serviço dos Cristãos. Não quero popularidade, não quero poder. Quero apenas um lugar aos pés de Jesus. Quero que a minha vida, as minhas ações falem por mim e digam que estou seguindo Jesus Cristo. Tal desejo é assim forte em mim que me considerarei um privilegiado quando Jesus quiser aceitar o sacrifício da minha vida. Quero viver por Jesus e por Ele quero morrer. Quanto reflito sobre o fato de que Jesus Cristo sacrificou tudo, que Deus mandou o Seu próprio Filho para a nossa Redenção, me pergunto como não posso eu seguir o caminho do Calvário». 

 

O Senhor ouviu Shahbaz Bhatti e agora ele goza da Visão beatifica da face de Deus.

Continue Reading →

Postagens relacionadas

  • 72
      d. CURZIO NITOGLIA 10 de julho de 2012 [Tradução: Gederson Falcometa] http://www.doncurzionitoglia.com/consegne_ai_militanti.htm     “É todo um mundo que deve ser refeito, a partir do fundamento, transformando-lhe de selvático em humano e de humano em divino, isto é, segundo o Coração de Deus” (Pio XII, 10 de fevereiro de…
    Tags: de, é, que, não, do, se, ou, deus, nitoglia, curzio
  • 64
    CONDITIO SINE QUA NON PARA A INSTAURAÇÃO  DO REINO SOCIAL DE CRISTO d. CURZIO NITOGLIA [Tradução: Gederson Falcometa] 19 agosto 2011 http://www.doncurzionitoglia.com/uomo_animale_politico.htm   Contra o erro ‘por defeito’ do Liberalismo-laicista e ‘por excesso’ do Angelismo-clericalista Atualidade do problema São Pio X na Carta Encíclia Iucunda Sane (Março de 1904) explica que,…
    Tags: de, é, não, que, do, ou, se, curzio, nitoglia, don
  • 64
      PADRE CURZIO NITOGLIA 19 de dezembro de 2009 http://www.doncurzionitoglia.com/scienza_politica_tomistica.html [Tradução: Gederson Falcometa] Publicado originalmente no SPES - SEMINÁRIO DE ESTUDOS SOCIOPOLÍTICOS SANTO TOMÁS DE AQUINO “A prudência em relação ao bem comum se chama política” (S. Th., II-II, q. 47, a. 10, in corpore)   Política como “prudência social” A…
    Tags: que, de, não, é, ou, do, se, nitoglia, curzio, don
  • 62
      d. CURZIO NITOGLIA [Tradução: Gederson Falcometa] 21 de maio de 2011  http://www.doncurzionitoglia.com/miglioramento_carattere_temperam.htm O CARÁTER   Natureza do caráter O caráter é o modo de ser habitual de um homem, que o distingue dos outros e lhe dá uma personalidade intelectual, moral, e psicológica propriamente sua. O caráter é distinto…
    Tags: de, é, não, do, que, ou, se, curzio, don
  • 61
      Don Curzio Nitoglia [Tradução: Gederson Falcometa]   A natureza da autoridade A sociedade é uma união moral de muitos homens, para agir em vista do bem comum. A causa final da sociedade é o bem estar comum temporal; a causa material são as pessoas; a causa eficiente é Deus…
    Tags: de, que, é, não, do, ou, se, nitoglia, curzio, don
  • 60
      Da Apocalíptica ao Mundialismo hebraíco/sionista Don Curzio Nitoglia [Tradução: Gederson Falcometa] * «Quem quer fazer Teologia não pode ignorar o problema hebraico e quem faz política non pode não recorrer a Teologia». * Literatura apocalíptica ·         A Apocalíptica não é para ser confundida com o Apocalipse de São João, que «no…
    Tags: de, do, que, é, não, se, nitoglia, curzio, don
  • 59
    - PRIMEIRA  PARTE - PRIMEIRA  PARTE SECONDA e TERZA  PARTE QUARTA  PARTE   d. Curzio Nitoglia 29 de abril de 2011 [Tradução: Gederson Falcometa] http://www.doncurzionitoglia.com/devozione_spirito_santo.htm   A devoção ao Espírito Santo -Primeira Parte-     Comumente se considera que, a devoção ao Espírito Santo seja qualquer coisa  reservada as almas…
    Tags: que, de, é, do, virtudes, ou, não, nitoglia, curzio, don
  • 58
    DON CURZIO NITOGLIA 6 de março de 2010 [Tradução: Gederson Falcometa] http://www.doncurzionitoglia.com/PioXII_e_scomunica_comunismo.htm Introdução: justiça e atualidade da condenação Pio XII, através da Sagrada Congregação do Santo Oficío emanou três documentos sobre a natureza do comunismo e a sua incompatibilidade com o cristianismo. 1º)Um ‘Decreto geral” (1º de julho de 1949),…
    Tags: de, que, é, do, não, se, ou, nitoglia, curzio, don
  • 58
    ESPIRITUALIDADE CATÓLICA E RELIGIOSIDADE ORIENTALIZANTE d. CURZIO NITOGLIA [Tradução: Gederson Falcometa] 25 agosto 2011 http://www.doncurzionitoglia.com/falso_misticismo_e_vera_mistica.htm   O falso misticismo Já falamos da verdadeira mística[1] neste site (v.***). No presente artigo resta ver qual é a sua falsificação, que é o falso misticismo. Este perverte sobretudo a verdadeira noção do estado…
    Tags: de, que, do, é, ou, não, deus, nitoglia, don, curzio
  • 57
    DON CURZIO NITOGLIA [tradução: Gederson Falcometa] 20 abril 2010 http://www.doncurzionitoglia.com/Principe_Cristiano_Vs_Principe_Machiavelli.htm Introdução Maquiável, depois de Dante e mais que Dante, nega a ordem política indicada por S. Tomás no De regimine principum. O Aquinate quis reunir a Sociedade a Deus, Maquiável queria uma política autônoma da moral e de Deus. O príncipe…
    Tags: que, de, é, do, não, se, curzio, nitoglia, don
  • 56
    Miguel Ayuso PADRE CURZIO NITOGLIA 7 de julho de 2011 http://www.doncurzionitoglia.com/forma_societa_stati_liberta_reli.htm   [Tradução: Gederson Falcometa]   Publicado originalmente no SPES – SEMINÁRIO DE ESTUDOS SOCIOPOLÍTICOS SANTO TOMÁS DE AQUINO     •  “A heresia de um indivíduo, com o laicismo liberal, torna-se social e política” (M. Ayuso)   • “Da forma dada à…
    Tags: de, que, não, é, nitoglia, curzio, don
  • 56
      DON  CURZIO  NITOGLIA [Tradução: Gederson Falcometa] 31 marzo 2010 http://www.doncurzionitoglia.com/conciliarismo_e_gallicanesimo.htm         Concílio de Constança   “Roma é o ultimo refúgio daqueles que erraram e se arrependeram contra a dureza daqueles que pensam não ter nunca errado”.   O Conciliarismo ·        É um erro eclesiológico, segundo o qual o…
    Tags: de, do, que, é, não, nitoglia, curzio, don
  • 56
        A tese de Cassiciacum  O Papado material Para um debate sereno    Don Curzio Nitoglia [Tradução: Gederson Falcometa]   «Nesta passagem do Evangelho de Marcos (VI, 47-56) está escrito justamente que a Nave (ou seja, a Igreja) se encontrava no meio do mar, enquanto Jesus estava sozinho em…
    Tags: de, não, que, é, curzio, nitoglia, don
  • 55
      PADRE CURZIO NITOGLIA [Tradução: Gederson Falcometa] 2 de abril de 2011 http://www.doncurzionitoglia.com/matrimonio_amore_caritas.htm * ·         Depois de ter visto o que é a verdadeira Caridade sobrenatural e tê-la distinta antes de tudo do amor natural (que é bom mas imperfeito) e sobretudo do erotismo freudiano, que hoje invadiu todas as…
    Tags: de, que, é, não, se, ou, do, deus
  • 55
    PADRE CURZIO NITOGLIA [Tradução:Gederson Falcometa] 3 de agosto de 2011 http://www.doncurzionitoglia.com/chiesa_cattolica_e_s_agostino.htm Prólogo Monsenhor Brunero Gherardini publicou o seu mais recente trabalho: Católica. Contornos da eclesiologia agostiniana (Torino, Lindau, 2011) [1]. Onde reassume a sua atividade seja de professor de eclesiologia na Lateranense em 1968, seja de Autor de estudos recentes…
    Tags: de, é, não, ou, se, nitoglia, curzio, don
  • 54
      d. CURZIO NITOGLIA [Tradução: Gederson Falcometa] 8 de agosto de 2011 http://www.doncurzionitoglia.com/bene_del_tutto_e_della_parte.htm “Civitas propter cives, non cives propter civitatem” ·Contra o comunitarismo (“o bem de todos”) a sã filosofia ensina que a Sociedade não é o Fim absoluto, o bem ao qual os cidadãos são ordenados, mas a Sociedade…
    Tags: é, de, do, ou, que, não, nitoglia, curzio, don
  • 53
    d. CURZIO NITOGLIA 8 de junho de 2011 [Tradução: Gederson Falcometa] http://www.doncurzionitoglia.com/strutturalismo_francese.htm   O estruturalismo é “o certificado de morte da alma”(Michel Focault). “Existe muita lógica nesta loucura” (Hamlet, W.Shakespeare).   Proêmio O marxismo em crise depois da falência da revolução stalinista, que não conseguiu exportar o comunismo para o mundo inteiro,…
    Tags: de, do, é, que, ou, se, não, nitoglia, don, curzio
  • 53
    Dom Romolo Murri, Dom Luigi Sturzo e Alcide De Gasperi d. CURZIO NITOGLIA [Tradução: Gederson Falcometa] 24 giugno 2011 http://www.doncurzionitoglia.com/democrazia_cristiana_e_modernism.htm A questão democristã Dom Dário Composta escreve: “O modelo ideal “DC” se pode definir [...] como política progressista e aconfessional”(1). Essa é um partido de centro que olha à esquerda, como dizia…
    Tags: de, que, do, modernismo, nitoglia, curzio, don
  • 52
    O obstáculo maior para a paz da alma é o colocar a nossa vontade em oposição a Sua. A santidade consiste no fazer a Vontade de Deus, não a nossa...
    Tags: de, que, deus, é, se, não, nitoglia, curzio
  • 52
    A "Tese de Cassiciacum" é ainda absolutamente certa? PADRE CURZIO NITOGLIA [Tradução: Gederson Falcometa] Velletri, 6 luglio 2008 http://www.doncurzionitoglia.com/TesIncerta.htm Advertência Tendo abandonado – publicamente – as conclusões jurídicas da “Tese de Cassiciacum” (7-8 de dezembro de 2006) para chegar ao “Sim Sim Não Não” em Veletri (7 de janeiro de 2007), me senti,…
    Tags: de, que, não, se, curzio, nitoglia, don
  • 51
      PADRE CURZIO NITOGLIA [Tradução: Gederson Falcometa] 26 febbraio 2009 http://www.doncurzionitoglia.com/SedevacantismoMitigato.htm 1) Sedevacantismo mitigado 1º) Segundo P. Guérard des Lauriers,  uma vez que o novo rito da consagração episcopal é duvidoso,  se fosse eleito Papa um sujeito consagrado com o novo rito, não seria validamente Bispo e então não poderia…
    Tags: de, que, não, é, se, curzio, nitoglia, don
  • 51
        [Extratos] PADRE CURZIO NITOGLIA [Tradução: Gederson Falcometa] 22 de julho de 2010 http://www.doncurzionitoglia.com/salazar_filosofo_e_uomo.htm        “Ai dos povos que não suportam a superioridade de seus grandes homens! Mais desventurados ainda aqueles onde a política não é ordenada de modo a permitir  aos homens de raro valor a…
    Tags: de, que, do, não, se, é
  • 51
    PADRE CURZIO NITOGLIA [Tradução: Gederson Falcometa] 20 de Julho de 2011 http://www.doncurzionitoglia.com/dottrina_sociale_pio_xii.htm    “Em todas as partes hoje a vida das Nações foi desintegrada pelo culto cego do valor numérico” (Pio XII, Radiomensagem 24.12.1944)   Proêmio   Já vimos qual é a concepção política clássica e escolástica. Agora devemos ver…
    Tags: de, que, é, não, do, ou, se
  • 51
    La Civiltà Cattolica anno 59° vol. 2 (fasc. 1388, 10 aprile 1908), Roma 1908 pag. 170-187.                                        I. A contradição teórica e a hipocrisia prática inerente por necessidade lógica a absurdidade do modernismo – como acenávamos nos precedentes artigos1, comprovando as afirmações da encíclica com os testemunhas de chefes de…
    Tags: de, que, do, se, é, modernismo
  • 51
    Se nos revoltamos ou fazemos finta de não ver o mal que está diante de nós, perdemos a paz. Se ao invés o aceitamos e o sublimamos com a Fé e a Caridade...
    Tags: de, não, que, é, deus, se, do

Powered by WordPress. Designed by WooThemes

Seguir

Obtenha todo novo post entregue na caixa de entrada do seu email.

Junte-se a outros seguidores