P. CURZIO NITOGLIA: A CONSTITUIÇÃO CRISTÃ DOS ESTADOS E A “LIBERDADE RELIGIOSA


Política

Miguel Ayu­so, pro­fes­sor de Dire­ito Con­sti­tu­cional na Uni­ver­si­dade de Madri e Pres­i­dente da União Inter­na­cional dos Juris­tas Católi­cos, escreveu em 2008 um livro muito inter­es­sante sobre a relação entre Esta­do e Igre­ja, traduzi­do em ital­iano pela “Edi­zioni Sci­en­ti­fiche Ital­iane” de Nápoles em 2010, com o títu­lo A Con­sti­tu­ição Cristã dos Esta­dos [1].

26/08/2019

CARDEAL GIUSEPPE SIRI: A RELAÇÃO ENTRE O NATURAL E O SOBRENATURAL EM JACQUES MARITAIN


Teologia

Um filó­so­fo que no mes­mo perío­do, isto é, des­de os anos 30, influ­en­ciou muito a for­mação das tendên­cias con­tem­porâneas, seja filosó­fi­ca ou teo­logi­ca­mente, foi Jacques Mar­i­tain [1]. Em todo o seu pen­sa­men­to, não só bus­cou assim­i­lar a ordem nat­ur­al na sobre­nat­ur­al, mas ao con­trário, lhes sep­a­rou de tal modo que recon­hece na cri­ação e na história humana duas vocações dis­tin­tas, lig­adas cer­ta­mente por um princí­pio de sub­or­di­nação, mas essen­cial­mente autôno­mas, com fins e meios próprios: a vocação e a mis­são ter­restre, e a vocação sobre­nat­ur­al.

26/08/2019

LA CIVILTÀ CATTOLICA: O MODERNISMO CRÍTICOCOMENTÁRIO A PASCENDI DOMINICI GREGIS


Teologia

A críti­ca está na boca de todos: é o méri­to da idade mod­er­na. E se fos­se méri­to sin­cero, have­ria razão para apre­cia-la: a críti­ca ver­dadeira é o exame glo­rioso da ver­dade, seja cien­tí­fi­ca ou reli­giosa. Mas muitas vezes é méri­to fal­so: e a críti­ca fal­sa, ou mel­hor, o vão nome de críti­ca, é então pálio de todos os erros, escu­do e sal­vo-con­du­to de todas as insip­iên­cias das mentes trans­vi­adas.

26/08/2019

AUGUSTO DEL NOCE: CONTESTAÇÃO E VALORES


Atualidades

A pre­sente crise de con­fi­ança em val­ores per­ma­nentes recla­ma a memória aque­la que se ver­i­fi­ca nos primeiros anos do sécu­lo XVII. Naque­le tem­po se trata­va tam­bém do perío­do suces­si­vo as guer­ras reli­giosas e as descober­tas de civ­i­liza­ções diver­sas das mediter­râneas; e ain­da naque­le tem­po foi colo­ca­da em dis­cussão, jun­to com o abso­lutismo dos val­ores, a tradição comum do pen­sa­men­to grego e do pen­sa­men­to cristão.

25/08/2019